Site Meter

Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




dos Comentários (27) - Ligações

por desvela, em 07.02.17
Seguem-se alguns links, ou ligações, sugeridas nos últimos tempos:

Esta lista de 2017 não está fechada e ficará aberta a novas sugestões.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:49


4 comentários

De José Manuel a 13.02.2017 às 01:21

(…) “LIMITAR A EDUCAÇÃO À TRANSMISSÃO DE CONHECIMENTO ACADÉMICO É CORRER O RISCO DE ESTUPIDIFICAR OS ALUNOS, reduzindo-os à competição com os computadores, ao invés de focar em características humanas fundamentais que permitem que a educação fique à frente dos progressos tecnológicos e sociais (…) O PASSADO FOI SOBRE A SABEDORIA RECEBIDA, O FUTURO É SOBRE A SABEDORIA GERADA PELO UTILIZADOR (…) O ensino no passado estava baseado em matérias. O ensino no futuro terá de assentar nas experiências de aprendizagem que ajudam os alunos a pensar além dos limites das disciplinas.

Menos currículo, mais aluno. Menos isolamento, mais partilha. O diretor do Departamento da Educação da OCDE, Andreas Schleicher, diz que é preciso reorganizar a aprendizagem, com "ousadia".
http://observador.pt/especiais/portugal-tem-de-ter-cuidado-para-educar-as-criancas-para-o-seu-proprio-futuro-e-nao-para-o-nosso-passado/

De Alvor-Silves a 14.02.2017 às 02:51

Já adicionei o link.

A influência das novas tecnologias é sempre um bom tema, especialmente quando vemos que um maior acesso à informação, não significa que as pessoas acedam a mais informação.
Normalmente o que acontece com os grupos em redes sociais, é que tendem cada vez mais a aceder todos à mesma informação. Pior, a informação é tratada visando mais uma lógica do grupo - aprovar o que se pensa ser politicamente correcto, e reprovar o que possa escandalizar o grupo de conforto.

Lembro-me da ideia de que as máquinas de calcular tornariam desnecessário aos alunos fazer contas. Aqui parece-me que podemos estar perante um movimento do mesmo género.
Que o passado transmite sabedoria, e que o futuro é feito com a sabedoria gerada no presente, é uma afirmação verdadeira... em qualquer altura na história, não se aplica apenas ao presente.

Há uma mudança tecnológica em curso, e normalmente quem diz querer cavalgar mais rápido sobre essa mudança, é porque pretende reverter ou abrandar o processo.

Parece-me que se os alunos negligenciarem a informação do passado, o que estão a produzir para o futuro serão trivialidades conhecidas, ou banalidades sem qualquer interesse... ou antes, há um interesse nisso, entreter-los num grupo de conforto, onde se satisfaçam pelos mecanismos de recompensa num grupo social.
É isso que vemos no crédito que as pessoas têm por conseguirem mais ou menos amigos, terem mais ou menos cliques, conseguirem mais ou menos seguidores, nos grupos sociais. As novas disciplinas podem ser sobre vídeos de gatinhos, cachorrinhos, bebés engraçados, etc... um mundo cheio de pessoal feliz, com muitos amigos e likes, e onde o passado é o passado que não interessa para nada, porque o interessa é o futuro. Já vimos esse filme demasiadas vezes... e são quase sempre os mesmos a colocá-lo em cena - ou seja, quem quer dominar a sociedade estupidificando a população, para a melhor controlar.

Obrigado pelo link, ainda que meio alarmante.
Um abraço!

De José Manuel a 17.02.2017 às 03:13

Descoberto ensaio de Churchill sobre a existência de vida noutros planetas

"Não estou tão impressionado com os êxitos que estamos a alcançar na nossa civilização ao ponto de pensar que somos o único ponto deste imenso universo que contém criaturas que vivem e que pensam, ou que somos o tipo mais alto de desenvolvimento mental e físico que alguma fez apareceu no vasto compasso do espaço e tempo”

http://observador.pt/2017/02/16/descoberto-ensaio-de-churchill-sobre-a-existencia-de-vida-noutros-planetas/

De Alvor-Silves a 19.02.2017 às 04:43

Mais uma notícia sobre o Churchill que apareceu difundida por tudo o que é jornal, e não será apenas porque as afirmações do antigo primeiro-ministro inglês vendem. A afirmação consta ser do período anterior a formar governo, e portanto Churchill a priori não tinha nenhuma informação privilegiada.

É um bocado diferente das afirmações de Reagan:
http://www.express.co.uk/news/weird/571434/Reagan-asked-Soviets-defeat-alien-invasion

"Ronald Reagan believed aliens would conquer Earth and stunned Mikhail Gorbachev by asking for Soviet help to defeat the invasion, a new book reveals."

... porque Reagan tinha nessa altura acesso às informações dos serviços secretos.

Charles Fort, de quem tenho aqui citado textos, já em 1919 falava abundantemente na hipótese (ou crença) de que haveria viagens espaciais cuja origem seria exterior à Terra.

Obrigado.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Fevereiro 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D